Centro Olímpico derrota São José e se sagra Campeão Brasileiro de Futebol Feminino 2013

Na 1º Final do Brasileirão de Futebol Feminino, disputada no Estadio do Baetão em São Bernardo do Campo,  Associação Desportiva Centro Olímpico da cidade de São Paulo derrotou por 2 a 1 a equipe do São Jose Esporte Clube de São José dos Campos e se sagrou campeã brasileira de Futebol Feminino.
 
No primeiro capitulo da decisão, em São José dos Campos, a equipe da zona sul de São Paulo conseguiu um empate por 2 a 2 e com isso deu a vantagem de jogar por outro empate sem gols ou até 1 a 1.
 
Com isso, a equipe do vale do paraíba foi para cima e acertou o travessão aos 25 minutos, depois do cruzamento da meia Formiga e a cabeçada de Fabiana Baiana.
 
Mesmo São José pressionando bastante, quem abriu o placar foi o Centro Olímpico. Depois da falha da zagueira Gislane, a meio campista Thamires aproveitou e mandou por cima da goleira Kaka, abrindo o placar para a equipe mandante.
 
Porém, um minuto depois, a equipe do interior respondeu com um belo arremate de fora da área da lateral direita Poliana, que chutou na canto direita da goleira Thais.
 
No segundo tempo, o São José continuou pressionando, pois o empate dava o título do ADECO porém as chances virar a partida e garantir o caneco pouco apareceram e a conquista do Centro Olímpico se aproximava a cada minuto que passava.
 
E a conquista foi sacramentada aos 40 minutos do segundo tempo, depois do cruzamento da ponta direta de Gabriela, a experiente centroavante Cristiane cabeçou firme, sem chances para a goleira Kaka, garantindo o título inédito para o Centro Olímpico.
 
O técnico do Centro Olímpico, Arthur Elias, falou sobre a conquista da sua equipe e da competição em si e da sua importância para o futuro do futebol feminino no Brasil“Mais importante do que ganhar um título é merecer ele. Eu não tenho nenhuma dúvida que esse grupo mereceu e muito. O trabalho tem sido cada vez melhor, passamos dificuldades no começo do ano, e isso só fez dar mais valor e significado ao trabalho. Nós esperamos que as coisas melhorem não só para gente, como para modalidade inteira”.
 
Para o técnico da Seleção Brasileira de Futebol Feminino Marcio Oliveira, o título do Adeco foi merecido e o nível da competição, apesar de curta duração e da final foi de alto padrão.”O Brasileirão Feminino foi o primeiro passo para a mudança do futebol feminino no pais, apesar de curto, já apresenta um ótimo nível técnico e a final da competição foi a prova disso.” afirmou o comandante da seleção Brasileira de Futebol Feminino.
 
Além do técnico da Seleção Brasileira, também estiveram no Baetão o Ministro dos Esportes Aldo Rebelo, no qual entregou o troféu de campeão aos atletas do Centro OlímpicoFicha Técnica A.D. Centro Olímpico: Thais; Rílany, Calan, Esterzinha, Juci ; Mayara. Thaisa, Paty(Ketlen) , Thamires ; Gabriela(Maria) e Christiane

Tecnico: Arthur EliasSão José EC: Kaka, Poliana, Bruna Benites, Gislaine, Dani; Michele, Fabiana Baiana, Formiga, Andressa Alves(Carolzinha) ; Alana e Nene
 
Tecnico: Jefferson FelixGols: Tamires 33/1ºT e Cristiane 44/2ºT (Centro Olímpico) e Poliana 36/1ºT (São José) 

Árbitra: Regildenia de Holanda Moura (FIFA)
Auxiliar 1: Maria Nubia Ferreira Leite (SP)
Auxiliar 2: Renata Ruel Xavier de Brito (SP)

foto fonte: FPF
Gustavo Tomazeli – STI Esporte

Deixe uma Resposta

Imagens

Entrar | Desenvolvido por STI Esporte