Água Santa e Santos fizeram grandes jogos neste sábado pelas categorias de base do Paulistão

Em Diadema, Água Santa e Santos se confrontaram pelas categorias de base (Sub-15 e Sub-17). Houve um empate e uma vitória heroica do Netuno para cima do Peixe.

 

Neste sábado, o STI Esporte transmitiu simplesmente dois jogaços pela manhã no estádio Distrital de Piraporinha, na cidade de Diadema. Ambos os confrontos foram entre Água Santa e Santos, coincidentemente, de acordo com as tabelas.

O primeiro deles foi válido pela 13ª Rodada do grupo 8 do Estadual da categoria Sub-15 e teve seu início às 9 horas da manhã. O jogo na primeira etapa foi dominada pelo Netuno, mesmo com o Santos criando poucas oportunidades, e com isso, a partida virou empatada sem gols.

No segundo tempo, a equipe do Santos cresceu mais na partida com a entrada do atacante Lucas Lourenço, e, no início de sua participação na partida, fez o primeiro gol aos 5 minutos, recebendo um belo passe de Felipe Jaime na intermediária, não teve piedade ao encarar o goleiro Marcelo e empurrou para a rede com excelente oportunismo e frieza.

Mas a alegria do time da Vila Belmiro durou pouco. Aos 9 minutos, em cobrança de escanteio, Igor com toque sutil de cabeça, indefensável para o goleiro Thiago, empatou a partida para o Netuno. Após o gol do Água Santa, os jogadores fizeram uma partida truncada no meio-campo, muito faltoso e com grandes chances claras perdidas pelos atletas de ambas as equipes, e por isso, o jogo ficou somente no 1 a 1. Com o término da partida com este placar, o resultado foi de bom tamanho para as equipes, que se mantiveram no G-4. O Santos continua invicto no seu grupo da competição..

Já pelo Estadual da categoria Sub-17, o jogo foi tão bom quanto o anterior. Também válido pela 13ª Rodada do referente torneio estadual, o jogo começou bem movimentado e elétrico, tanto que logo aos 3 minutos de jogo, Ynaiã, após cruzamento de Guilherme, escora de leve deslocando o goleiro Victor César, abrindo o placar para o time da Vila.

O domínio do alvinegro praiano era absoluto, com toques envolventes, contra-ataques fulminantes, e com uma ajuda do adversário diademense, que estava com um setor defensivo bastante frágil. Aos 33 minutos, o Peixe foi consolidado pelo seu poderio ofensivo dominante: Higor, aos 33, chuta forte à queima roupa do goleiro do Água Santa e amplia o placar. 2 a 0.

Após o segundo gol santista, o Água Santa pressionou e, 5 minutos depois, após lançamento na área do Santos em cobrança de falta, Lucas diminuiu o marcador para o Netuno escorando de cabeça.

Na virada para a etapa final, a situação se reverteu completamente de forma incessante. Isso se sucedeu graças à excelente leitura de jogo do treinador Douglas Neves, do Água Santa. As falhas defensivas e a sequência abundante de passes errados passaram para o lado santista, enquanto o lado diademense dominava a partida, com lances perigosos consecutivos. Para consolidar tal feito, o Água Santa conseguiu uma virada heroica: Henrique Nepomuceno empatou em lance de bola parda; e Lucas, mais uma vez, com um chutaço de primeira, após cruzamento de Caio, que descera de forma livre pela direita, marcou e virou para a equipe do Netuno.

O Santos, assim, tem sua primeira derrota, mas ainda é líder com 33 pontos e o Água Santa, com esta virada espetacular, foi à 15 pontos e pode entrar no G-4 do Grupo 8.

E o grande destaque foi a bela festa dos jogadores e da torcida do Netuno após o apito final, coroando a atitude de postura valente da equipe do ABCD.

 

Por Lucas Nascimento – STI ESPORTE

Deixe uma Resposta

Imagens

Entrar | Desenvolvido por STI Esporte